Avatar

Por

Redação do Canal Autismo

"Canal Autismo é a maior plataforma de conteúdo a respeito de autismo da América Latina."

Facebook AutorLinkedin AutorInstagram AutorYoutube Autor

Vacinação de autistas e demais pessoas com deficiência avança pelo Brasil

31 de maio de 2021Imagem: Roque de Sá/Agência Senado

Tempo de Leitura: 2 minutosO mês de maio concentrou parte significativa da vacinação de pessoas com deficiência contra a Covid-19 em vários estados do Brasil. Apesar de alguns estados como Amapá e Rio de Janeiro terem anunciado a vacinação ainda em abril, grande parte dos estados brasileiros seguiram o Plano Nacional de Imunização (PNI), que previa a vacinação de todas as pessoas com deficiência após a fila prioritária de pessoas com comorbidades.

Vários estados, como Goiás, Rio Grande do Norte, Minas Gerais, Pará e Paraná iniciaram a imunização de pessoas com deficiência nas duas últimas semanas. Em alguns municípios, não houve limite de idade. Em outros, foi estabelecido um escalonamento dos 59 anos até os 18. Pessoas com deficiência que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC) foram imunizadas juntamente com pessoas com comorbidades.

Em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, todas as pessoas com deficiência acima de 18 anos foram contempladas nesta segunda-feira (31). O ativista e youtuber Willian Chimura foi um deles e comentou o momento para o Canal Autismo. “Que bom que as pessoas com deficiência estão sendo consideradas na vacinação como prioridade”, comemorou.

O influenciador Vittor Guidoni, conhecido como Vittinho do SUS, também foi contemplado pela vacina em Colatina, no Espírito Santo. Na ocasião, ele disse em suas redes sociais que “espero que corra tudo bem pra vocês, e que todos consigam sua dose, porque tá difícil viu”.

A cidade de São Paulo, por sua vez, enfrenta críticas de pessoas com deficiência pela demora na vacinação. Na última sexta-feira (26), o secretário de saúde do município, Edson Aparecido, anunciou que pessoas com deficiência que não recebem BPC poderiam se inscrever para tentar ser imunizadas com doses que sobraram – a chamada “xepa”.

Em Salvador, a secretaria do município anunciou vacinação para “pessoas com transtorno intelectual moderado e severo“, o que levantou questionamentos e críticas de internautas autistas sobre uma possível exclusão de autistas “leves” da imunização.

Compartilhe

Comentários

Fique por dentro das últimas notícias!
Assine a nossa News.

‘A gente tem que entender que o espaço é deficitário’, diz arquiteta autista

/
Avatar Por Redação do Canal Autismo
A arquiteta Isa de Paula foi diagnosticada com autismo em 2020…

Inspirado pelo filho autista, pai ilustrador cria super-herói nos EUA

/
Avatar Por Redação do Canal Autismo
Led Bradshaw, um ilustrador e pai de autista residente em Nova…
No Dia dos Namorados: artigo trata de relacionamento entre pessoas com deficiência intelectual — Canal Autismo / Revista AutismoFriendship Circle