29 de novembro de 2023

Tempo de Leitura: < 1 minuto

O governo do Distrito Federal (GDF) realizou, em evento ocorrido nesta terça-feira (28), a entrega de carteiras de identificação da pessoa com Transtorno do Espectro Autista (TEA) e cartões de identificação da pessoa com deficiência (PcD) como parte de uma iniciativa para garantir direitos à cidadania, acessibilidade e inclusão. Durante a cerimônia, 65 carteiras foram concedidas para pessoas autistas, e 185 para PcD, totalizando 250 documentos distribuídos. A expectativa é emitir mais 40 mil desses documentos até 2024.

Segundo nota do GDF, essas carteiras têm o propósito de assegurar direitos, como acesso a filas preferenciais e atendimentos prioritários em programas sociais e habitacionais, além de proporcionar a meia-entrada em eventos. A iniciativa busca simplificar a vida de pessoas com deficiências não visíveis, eliminando a necessidade de apresentação de laudos médicos.

Publicidade
Livro: Autismo — Não espere, aja logo!

No mesmo evento, foi lançada a Cartilha do Autista, uma fonte de informações sobre legislação, direitos e benefícios para pessoas autistas. Além disso, um termo de cooperação técnica com o Ministério Público do Trabalho (MPT) foi assinado, visando incentivar a inclusão de pessoas com deficiência no mercado de trabalho, com a intenção de tornar o Distrito Federal mais acessível.

COMPARTILHAR:

Canal Autismo é a maior plataforma de conteúdo a respeito de autismo da América Latina.

O trauma na vida da pessoa autista

Segundo volume de série sobre diversidade e inclusão é lançado em SP

Publicidade
Assine a Revista Autismo
Assine a nossa Newsletter grátis
Clique aqui se você tem DISLEXIA (saiba mais aqui)