3 de outubro de 2023

Tempo de Leitura: < 1 minuto

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) em 03.out.23 suspendeu temporariamente a comercialização de 38 planos de saúde de 10 operadoras diferentes.

Essas suspensões ocorrem devido as reclamações relacionadas a cobertura assistencial. A medida faz parte do monitoramento da garantia de atendimento, que acompanha regularmente o desempenho do setor e atua na proteção dos consumidores.

Publicidade
ExpoTEA

Segundo o diretor de Normas e Habilitação dos Produtos da ANS, Alexandre Fioranelli, houve proteção aos beneficiários:

“Ao todo, 394.313 beneficiários ficam protegidos com a medida, já que esses planos só poderão voltar a ser comercializados para novos clientes se as operadoras apresentarem melhora no resultado no monitoramento”

Fonte: ANS (28.set.23).

A Unimed Rio foi a operadora que mais teve suspensão na comercialização de planos de saúde, com um total de 18 suspensos. A lista completa pode ser vista nos site da ANS.

Tais medidas só são possíveis de ser adotadas se os usuários realizarem denúncias na ANS contra as operadoras. Trata-se de uma medida de segurança para os beneficiários, evitando abusos por parte das operadoras.

Essa informação é relevante para a comunidade autista, que frequentemente enfrentam dificuldades para conseguir o tratamento adequado nas redes credenciadas dos planos de saúde. Ou seja, quando o plano de saúde negar algum tipo de terapia ou aplicar alguma medida desproporcional, é importante que seja realizada a denuncia na ANS, para que o órgão possa fiscalizar as operadoras.

 

 

 

 

COMPARTILHAR:

Advogado, educador, professor e ativista. Mestrando em Direito, LLM em direito corporativo, pós graduação em direito do consumidor, civil e processo. Fundador da LigaTEA – Advogados que Defendem Autistas. Licenciatura em letras-português, consultor educacional, pós graduação em docência e metodologia da pesquisa científica, pós graduação em informática educativa, pós graduação em neuroeducação e pós-graduando em análise comportamental aplicada ao autismo. Pai do Benjamin (autista 9 anos).

Jovem mata irmão autista em SP e fala em ‘vontade de matar’

A seletividade alimentar na alimentação de autistas

Publicidade
Assine a Revista Autismo
Assine a nossa Newsletter grátis
Clique aqui se você tem DISLEXIA (saiba mais aqui)