30 de janeiro de 2024

Tempo de Leitura: < 1 minuto

A revista Crescer publicou um relato de Júlia Mendonça, mãe de Gabriel, que é autista, e Luna, que tem síndrome de Down, nesta segunda-feira (29). Segundo a mãe, o diagnóstico de autismo para Gabriel veio aos 3 anos. Júlia também passou por uma perda gestacional durante esse período, enfrentando um profundo sofrimento. Quando decidiu não ter mais filhos, Luna surgiu como uma surpresa, mas ao contrário do que se esperava, ela nasceu com síndrome de Down e complicações de saúde.

Júlia conta as diferentes características de seus filhos: enquanto Gabriel, com 6 anos, é comunicativo, mas emocionalmente instável, Luna, de modo estável emocionalmente, apresenta algumas dificuldades motoras e na fala devido à síndrome de Down. Apesar dos desafios, a relação amorosa entre os irmãos é um ponto de emoção na vida de Júlia. Ela compartilha suas experiências nas redes sociais para oferecer apoio e esperança a outras famílias que enfrentam situações semelhantes.

Publicidade
Livro: Autismo — Não espere, aja logo!

“Sou uma mãe atípica que já passou por tudo e hoje não se deixa abater. Nós somos humanos. Não estamos preparados para o diferente. Sempre vamos acreditar que o diferente só acontecerá na vida dos outros. Então, o período de dor é inevitável. Ao mesmo tempo, eu sempre digo que quando a fase da dor passa, nós nos tornamos as pessoas mais fortes e corajosas do mundo! Somos capazes de enfrentar qualquer coisa. E a transformação que ocorre em nós é a maior beleza da maternidade/paternidade atípica”, afirmou.

COMPARTILHAR:

Canal Autismo é a maior plataforma de conteúdo a respeito de autismo da América Latina.

PL propõe redução de carga horária de trabalho para PCD

Autismo na vida adulta é tema de live do Sindjus

Publicidade
Assine a Revista Autismo
Assine a nossa Newsletter grátis
Clique aqui se você tem DISLEXIA (saiba mais aqui)