Por

Selma Sueli Silva

Jornalista e relações públicas, diagnosticada com autismo, autora dos livros "Minha Vida de Trás pra Frente", "Dez Anos Depois", "Camaleônicos" e "Autismo no Feminino", mantém o site "O Mundo Autista" no Portal UAI e o canal do YouTube "Mundo Autista".

Facebook de Selma Sueli SilvaTwitter de Selma Sueli SilvaInstagram de Selma Sueli SilvaCanal no Youtube de Selma Sueli Silva

O jeito autista de ser no dia a dia

20 de agosto de 2021Facebook: Aprendendo com o AutismoImagem: Facebook - Aprendendo com o Autismo

Tempo de Leitura: < 1 minutoEssa semana, enfrentei uma ‘overdose’ de meu jeito autista de ser. Em primeiro lugar, comecei fazendo um teste de avaliação neuropsicológica. O objetivo era reorientar meu acompanhamento terapêutico. Foi o que bastou para a ansiedade e o medo começarem. E ainda, teria de me preparar para a viagem que eu faria. Minha mala estava pronta há um mês. Ainda tinha a preocupação com minha filha, que não iria. Conclusão: estresse nas alturas.

“Eu também sou assim”

Academia do Autismo

Pior ainda é tentar desabafar com alguém e ouvir: “Não é só autista não. Da mesma forma, eu também sou assim”. O que as pessoas desconhecem é a intensidade dessas emoções para o cérebro neurodivergente. Se elas são grau 10 para o neurotípico, para o autista o grau é 1000. No meu caso, são anos repetindo certas ações. E sempre com a sensação de desamparo. Pondero que são armadilhas do cérebro. Mais uma tentativa frustrada. Ou seja, nem mesmo assim, eu consigo me livrar do aperto no peito.

Sabedoria da psicóloga

Ao terminar minha avaliação neuropsicológica, dentro do uber, escrevi para a psicóloga: “Já sei o resultado: Tenho personalidade distorcida, sou medíocre e lenta”. A resposta dela: “Vou trocar as definições para mudar sua distorção cognitiva. Medíocre não, ansiosa. Lenta, não, perfeccionista e rígida. E mais: personalidade distorcida nem existe….”

Autoaceitação

Depois do diagnóstico, me reconheci. Aceitei minhas características. E mais: estou aprendendo a lidar com elas. Um dia de cada vez. Com autorrespeito e amorosidade. Hoje, consigo fazer este texto, mesmo sabendo que viajo amanhã, bem cedo. E, claro, vou ter orgulho de mais uma vitória. Viajar ainda me exige muito esforço.

Compartilhe

Comentários

Nova versão da Caderneta da Criança tem instruções sobre o autismo — Canal Autismo / Revista AutismoReprodução / Ministério da Saúde

Nova versão da Caderneta da Criança tem instruções sobre o autismo

/
Por Redação do Canal Autismo
A terceira edição da Caderneta da Criança, que será enviada…
Estudo revela aumento de pesquisas sobre autismo em idosos — Canal Autismo / Revista AutismoReprodução / Governo de São Paulo

Estudo revela aumento de pesquisas sobre autismo em idosos

/
Por Redação do Canal Autismo
Um estudo investigou a frequência de pesquisas sobre autismo…