7 de junho de 2022

Tempo de Leitura: < 1 minuto

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) fará o julgamento sobre o processo que pretende modificar e restringir os procedimentos médicos obrigatórios cobertos pelos planos de saúde em todo o Brasil nesta quarta-feira (8). O tema garantiu debates e protestos no âmbito do autismo e de outras deficiências nos últimos meses, com destaque para mães acorrentadas em frente ao STJ.

Na prática, se aprovado, procedimentos que não estão na lista da Associação Nacional de Saúde (ANS) podem não ser cobertos pelos planos. Ativistas do âmbito da deficiência temem a perda de tratamentos importantes e a diminuição de qualidade de vida. Por isso, entidades ligadas ao autismo protestarão novamente em frente ao órgão e em outras partes do país nesta quarta.

Publicidade
Genioo

O apresentador Marcos Mion publicou vídeo alertando para a questão em suas redes sociais.

COMPARTILHAR:

Canal Autismo é a maior plataforma de conteúdo a respeito de autismo da América Latina.

Caio Abujadi pede ajuda para pesquisa da UFF sobre cuidado de pessoas com TEA

Projeto Borboleta Azul é criado por pai que perdeu filho autista em tragédia de Petrópolis

Publicidade
Assine a Revista Autismo
Assine a nossa Newsletter grátis
Clique aqui se você tem DISLEXIA (saiba mais aqui)