Avatar

Por

Redação do Canal Autismo

"Canal Autismo é a maior plataforma de conteúdo a respeito de autismo da América Latina."

Facebook AutorLinkedin AutorInstagram AutorYoutube Autor

‘Atypical mudou a minha vida’, afirma designer autista

12 de julho de 2021Imagem: Arquivo pessoal/Reprodução

Tempo de Leitura: < 1 minutoEm referência ao final da série Atypical, que ganhou última temporada liberada pela Netflix na última sexta (9), o jornal O Estado de S. Paulo conversou com autistas produtores de conteúdo sobre a série e o significado dela, entre elas a designer Tabata Cristine, de 31 anos.

Em entrevista, ela disse que a série foi importante no seu autoconhecimento sobre o autismo. “Quando comecei a terapia, eu tinha diagnóstico de transtorno bipolar. Apesar de isso não fazer sentido pra mim, eu não sabia explicar para a psicóloga as minhas questões. Foi quando vi o Sam e me achei parecida com ele. Levei as questões para a terapia e a gente chegou ao meu diagnóstico. Não tem nem como expressar em palavras como Atypical mudou a minha vida”, afirmou.

Além de Tabata, o Estadão conversou com o estudante Lucas Pontes, a estudante Polyana Sá, o designer Fábio Sousa e Mariana Camargo.

Compartilhe

Comentários

Fique por dentro das últimas notícias!
Assine a nossa News.

Sobre autistas, sincericídio e padrões do cérebro neurodivergente

/
Selma Sueli Silva Por Selma Sueli Silva
A busca de autistas por padrões para compreender o mundo à…
Quantos autistas há nas universidades brasileiras? — Revista Autismo

Coletivos de autistas expandem entre universidades públicas

/
Avatar Por Redação do Canal Autismo
Autistas universitários tem criado, em todo o país, os chamados…