Por

Redação do Canal Autismo

"Canal Autismo é a maior plataforma de conteúdo a respeito de autismo da América Latina."

Facebook AutorLinkedin AutorInstagram AutorYoutube Autor

Programa Conexão aborda alfabetização de crianças autistas

27 de setembro de 2021Programa Conexão aborda alfabetização de crianças autistas — Canal Autismo / Revista AutismoReprodução / GloboplayImagem: Reprodução

Tempo de Leitura: < 1 minutoO programa Conexão, do canal Futura, lançou no último dia 23 de setembro uma edição dedicada à alfabetização de crianças autistas. A produção trouxe, como entrevistadas, a professora e ativista Luciana Viegas, além de Diana Serpe, especialista nos direitos das pessoas com deficiência.

Academia do Autismo

Luciana Viegas abordou os desafios da alfabetização. “O processo de aprendizagem é muito complexo e contínuo. Ele acontece ao longo do tempo”, disse. Diana Serpe, por sua vez, destacou problemas em torno da aplicação da legislação educacional no país. “A lei brasileira de inclusão determina a capacitação dos profissionais […] e chama de sistema educacional inclusivo, porque a educação inclusiva você insere o aluno na sala de aula e isso não é inclusão de fato”, afirmou.

O vídeo pode ser assistido na plataforma Globoplay.

Compartilhe

Comentários

Fique por dentro das últimas notícias!
Assine a nossa News.

Greta Thunberg — Autismo leve que muda o mundo — Revista Autismo

GRETA THUNBERG

Por Fátima de Kwant
A pessoa mais comentada do ano é, sem dúvida, a ativista do meio ambiente, Greta Thunberg. A jovem de apenas dezesseis anos, nascida na Suécia, tornou-se a mais conhecida representante juvenil das comunidades mundiais que lutam pela preservação da natureza, tema bem em pauta, internacionalmente.
Colar de Girassóis e autismo - Kim Baker - Revista Autismo

Sunflower Lanyard

/
Por Redação da Revista Autismo
In an exclusive article for Brazilian magazine Revista Autismo,…
Colar de Girassóis e autismo - Kim Baker - Revista Autismo

Colar de girassóis

/
Por Redação da Revista Autismo
Em texto exclusivo para a Revista Autismo, mãe inglesa conta como foi o fato que viralizou no mundo inteiro. O esquema de usar o cordão de girassóis como indicação de deficiências ocultas começou em junho de 2016 no aeroporto de Gatwick, Londres. A intenção era ser um sinal discreto para os funcionários, a fim de reconhecer o usuário (ou um acompanhante do usuário) que precisasse de ajuda, tempo ou assistência extra ao passar pelo aeroporto. Após o seu sucesso, esforços têm acontecido para estender o uso do cordão a outros lugares.