Por

Kaká Lobe

Autora do site Autistólogos, com grande presença nas redes sociais, e do livro Propósito Azul.

Livro ‘Propósito Azul’

18 de junho de 2020Livro 'Propósito Azul' — Canal Autismo / Revista Autismo

Tempo de Leitura: 2 minutosNo dia 2 de abril, Dia Mundial da Conscientização do Autismo, lançamos o livro Propósito Azul — disponível na Amazon e diversas outras livrarias online — uma obra de ficção que escrevi com meu marido, baseada em muitos fatos reais vividos pelas famílias que recebem o diagnóstico de autismo.

O prefácio é do mais célebre ativista da causa no Brasil, Marcos Mion e 100% da renda será revertida para a causa do autismo.

Publicidade
Academia do Autismo

Com o livro, meu principal objetivo foi esclarecer uma série de dúvidas e até conceitos equivocados que eu tinha quando recebi o diagnóstico do meu filho Matheus, quando ele tinha 1 ano e 9 meses, em 2004 e que, após 2 anos de tratamento, “saiu” do espectro do autismo, mas isso é outra história.

Abordamos algumas questões como: “Será que é mesmo autismo? Se autismo não tem cura, por que vale a pena investir no tratamento? Quais são os fatores para o sucesso no tratamento e quais são as chances de sucesso? Devo dar medicação ao meu filho? Quantas horas de intervenção são necessárias? Meu filho precisa de acompanhante terapêutico na escola? O que o acompanhante terapêutico deve fazer e o que não deve fazer?”.

Além disso, apresentamos uma série de dicas para os pais colocarem o tratamento em prática em casa, escritas com o suporte da mestre Mayra Gaiato.

É claro que ter profissionais que te orientem no tratamento é primordial, mas a realidade é que para grande parte das famílias não existe essa possibilidade. Foi por isso que criei o site www.autistologos.com e o instagram @autistologos_autismo, onde procuro levar dicas da minha própria experiência para essas famílias, sempre baseadas na literatura científica.

Além disso, muitas vezes, algumas famílias até têm acompanhamento de profissionais, mas não na intensidade necessária. E, de qualquer forma, os pais precisam saber como estimular seus filhos quando estão com eles, precisam conhecer como funciona seu filho para que o tratamento tenha sucesso.

O livro foi escrito numa linguagem bem informal, uma leitura leve e prazerosa que conta com a colaboração técnica de grandes especialistas da área, para que você aprenda muito, gastando pouco tempo, dinheiro e energia.

Mayra Gaiato, renomada terapeuta da área, classifica o livro como inovador. “Propósito Azul conta com as atualizações mais recentes sobre autismo, escrito de forma leve e até divertida, mas com o cuidado de trazer somente conteúdo padrão-ouro de excelência e baseado em dados científicos, como deveriam ser todas as informações referentes ao autismo”, afirma.

Destaque também para a participação do neurocientista brasileiro radicado em San Diego, EUA, Alysson Muotri – que acabou de enviar minicérebros (organoides cerebrais humanos) para o espaço através da NASA e aborda, no livro, as causas do Autismo.

Diretor de um dos maiores centros de autismo do mundo, o Miami Children’s Hospital, Dr. Carlos Gadia – outro brasileiro radicado nos Estados Unidos –, aborda o diagnóstico.

Sobre o impacto do diagnóstico nas famílias, ninguém melhor do que Fátima de Kwant, que reúne os atributos de mãe,  consultora(?) e jornalista e que conta sua própria experiência de forma emocionante e nos deixa uma grande lição.

Dra. Carla Bertin do Autismo Legal faz um resumo sobre todos os direitos das pessoas com autismo, professor Lucelmo Lacerda dá dicas brilhantes sobre inclusão escolar e muito mais!

Não foi nada fácil reunir esse super-time. Vale a pena conferir!

Compartilhe

André e a Turma da Mônica em: Sincericídio — Revista Autismo

André e a Turma da Mônica em: Sincericídio

/
Por Francisco Paiva Jr.
O André, o personagem autista da Turma da Mônica, aparece nesta edição da #RevistaAutismo na mais inclusiva de todas histórias. Com seu "sincericídio", ele deixa a Mônica muito brava. E como criança tem que ser criança — independente de ter autismo ou não —, ela sai correndo atrás do #André, furiosa, girando seu famoso coelhinho. Claro que ela não vai bater no André, mas é importante o autismo aparecer nas histórias de forma natural, como acontece no dia a dia com meu filho, por exemplo. Não apenas nas importantes cartilhas educativas ou informativos sobre o transtorno. O autismo é só mais uma das características do André e do meu filho. Eles não são o autismo!
Revista Autismo destaca o trabalho de inclusão de Mauricio de Sousa

Revista Autismo destaca o trabalho de inclusão de Mauricio de Sousa

/
Por Redação da Revista Autismo
A edição de setembro da Revista Autismo, publicação gratuita, impressa e digital, especializada no Transtorno do Espectro do Autismo (TEA), destaca a inclusão e o acolhimento da Turma da Mônica, não só dentro das histórias, mas também dentro dos Estúdios da Mauricio de Sousa Produções (MSP).
A 'segunda camada' do diagnóstico — Revista Autismo

A ‘segunda camada’ do diagnóstico

/
Por Francisco Paiva Jr.
Imaginemos ser possível reunir, numa mesma sala, algumas famílias de pessoas com três diferentes síndromes raras que estão no espectro do autismo. Imaginemos ainda que as síndromes tenham nomes bem complexos como Helsmoortel-Van Der Aa, Phelan-McDermid e Syngap1. Parece um bem elaborado roteiro de ficção científica, não é? Mas foi o que fizemos. Reunirmos pais para um bate papo a respeito do que poderíamos chamar de uma "segunda camada" do diagnóstico de autismo.