Por

Redação do Canal Autismo

Canal Autismo é a maior plataforma de conteúdo a respeito de autismo da América Latina.

Facebook de Redação do Canal AutismoLinkedin de Redação do Canal AutismoInstagram de Redação do Canal AutismoCanal no Youtube de Redação do Canal Autismo

Autistas discutem em podcast o fim do diagnóstico de Síndrome de Asperger

4 de dezembro de 2021Autistas discutem em podcast o fim do diagnóstico de Síndrome de Asperger — Canal Autismo / Revista AutismoReprodução / IntrovertendoImagem: Vinicios Lima/Reprodução

Tempo de Leitura: < 1 minutoO podcast Introvertendo, produzido por autistas adultos e com diálogos sobre o autismo, lançou nesta sexta-feira (3) o seu 198º episódio, chamado “O Fim da Síndrome de Asperger e a Supremacia Aspie”, que aborda a descontinuidade do diagnóstico de Asperger na nova edição da Classificação Internacional de Doenças (CID), a CID-11, que entra em vigor em 2022.

A discussão, que contou com o jornalista Tiago Abreu e a arquiteta Carol Cardoso, aborda o contexto histórico em que o diagnóstico de Síndrome de Asperger surge, o impacto sociocultural que trouxe para a comunidade do autismo, a discussão para o fim do diagnóstico em 2013 no DSM-V e, mais recentemente, o polêmico fenômeno da “supremacia aspie” – relacionada a autistas que se consideram superiores em relação a população em geral.

Academia do Autismo

No episódio, Carol Cardoso afirmou a importância do tema. “Aprender mais sobre a história do autismo é muito importante para ter mais clareza sobre esse diagnóstico. E inegavelmente a Síndrome de Asperger é um aspecto muito importante da nossa história”, destacou.

O episódio está disponível para ser ouvido em diferentes plataformas de podcast e streaming de música, como o Spotify, Deezer, Apple Podcasts, Google Podcasts, Amazon Music e CastBox, ou no player abaixo. O Introvertendo também possui transcrição de seus episódios e uma ferramenta em Libras, acessível para pessoas com deficiência auditiva.

Compartilhe

Comentários

A relação entre a não extradição de Julian Assange e o autismo

/
Por Tiago Abreu
Nesta segunda de manhã (4.jan.2021), a Justiça do Reino Unido decidiu a não extradição de Julian Assange para os EUA, e um dos argumentos tem ligação direta com o autismo.

Autistas compartilham experiências sobre fogos de artifício em podcast

Por Redação da Revista Autismo
O podcast Introvertendo, produzido por autistas e com discussões…

Esperança para Rett

/
Por Redação da Revista Autismo
Com testes em laboratório feitos em minicérebros humanos, uma equipe de pesquisadores liderados pelo neurocientista brasileiro Alysson Muotri, na Universidade da Califórnia em San Diego (EUA), conseguiu reverter várias características da Síndrome de Rett e já conta com dois medicamentos para iniciar testes clínicos na fase três (já aprovados nas fases 1 e 2, demonstrando serem seguros para o consumo humano). Os minicérebros "tratados" passaram a se comportar como se não tivessem a Síndrome de Rett.